Era Light Me Up

O início de tudo, Light Me Up foi o primeiro passo da banda para conseguir o seu espaço no mundo do rock. Literalmente pedindo para serem iluminados, a The Pretty Reckless saiu para a luz do mundo com muito estilo em seu álbum de estreia.

HISTÓRIA DO ÁLBUM
Após Taylor Momsen conhecer Ben Phillips, o produtor Kato Khandwala, juntar material suficiente que quisesse mostrar ao mundo e finalmente encontrar os parceiros certos para montar uma banda, a The Pretty Reckless entrou em estúdio para gravar seu primeiro álbum. A banda trabalhou no álbum durante dois anos, de 2008 a 2010.
O processo de gravação foi bastante longo e intenso pois Taylor Momsen ainda atuava em Gossip Girl e teve que dividir o tempo entre gravar a série e gravar o álbum.
 "Nós gravamos o álbum em dois anos. Na maioria das vezes a noite porque eu estava filmando a série durante o dia. Eu dormia mais ou menos uma hora por noite, por pelo menos um ano. Então era muito redbull e cigarros (risos). Isso foi um desafio. Fazer as duas coisas ao mesmo tempo." - Taylor Momsen para a Best Buy.

"Eu me espantei quando terminamos de verdade, nós levamos dois anos para fazê-lo, e nós trabalhamos nele tão meticulosamente que quando terminamos não parecia ser verdade. Nós falamos sobre o álbum por dois anos e agora estou feliz que as pessoas estão realmente ouvindo as músicas e posso deixar que elas falem por si mesmas." - Taylor Momsen para o Artisan News.
Em 22 de junho de 2010 a banda lançou o EP The Pretty Reckless, uma prévia do material que estava por vim no álbum de estreia da banda. O EP traz cinco faixas, sendo elas: Make Me Wanna Die, My Medicine, Goin' Down e Zombie.

O álbum foi oficialmente lançado dia 27 de agosto de 2010 no Reino Unido (sem a música Zombie). E lançado dia 12 de abril de 2011 nos Estados Unidos (dessa vez com Zombie na tracklist).

O ÁLBUM
O álbum foi lançado oficialmente dia 27 de agosto de 2010, atingindo a posição #65 na Billboard 200 e o #1 no UK Rock Albums Chart.
 CAPA


A capa do álbum é a recriação de uma foto de Taylor Momsen quando pequena.
"Não sou eu, mas é baseada em uma foto minha. A concepção veio de uma foto minha quando eu tinha uns dois ou três anos de idade, o mesmo corte de cabelo, e sentada numa moto. Uma moto pequena, com uma jaqueta de couro e óculos escuros. E é meio que uma foto que foi passando pela minha família por muito tempo, então a ideia da capa veio daí."- Taylor Momsen em entrevista ao programa Lopez Tonight.

TÍTULO
Iniciando uma tradição de apenas nomear o álbum depois de pronto, o nome do cd também é uma música do mesmo.
"Parece se encaixar bem para o primeiro álbum, sabe 'me ilumine', começar o fogo. É o primeiro CD, a primeira introdução da banda. Espero que acenda tudo [...] Começamos a pensar em um título e uma pessoa disse 'Light Me Up', eu não lembro quem foi, mas isso veio e nós concordamos imediatamente. Foi provavelmente a coisa mais simples de todo o processo do álbum (risos)." - Taylor Momsen para a Artisan News.

TRACKLIST

01. My Medicine
02. Since You’re Gone
03. Make Me Wanna Die
04. Light Me Up
05. Zombie
06. Just Tonight
07. Miss Nothing
08. Goin’ Down
09. Nothing Left to Lose
11. You
11. Factory Girl


TURNÊ

A Light Me Up Tour ficou marcada pelo visual provocativo de Taylor Momsen.
SINGLES

MAKE ME WANNA DIE

Lançada como single dia 30 de março de 2010, Make Me Wanna Die foi o primeiro single do álbum e ganhou seu videoclipe oficial apenas dia 21 de setembro de 2010, sendo adiado várias vezes devido a questões jurídicas envolvendo censura, pois Taylor Momsen ainda não tinha atingido a maioridade.
A música alcançou o nº 1 no UK Rock Chart.





MISS NOTHING

Lançada como single dia 9 de agosto de 2010 a música ganhou seu videoclipe dia 10 de julho de 2010.






JUST TONIGHT

Lançado oficialmente terceiro single do álbum, a música ganhou seu videoclipe dia 28 de outubro de 2010.



YOU
Lançado como single promocional pelo sucesso entre os fãs, a música ganhou seu videoclipe dia 16 de fevereiro de 2012.



MY MEDICINE
A música foi lançada como quinto e ultimo single promocional do álbum principalmente para promover o novo EP da banda Hit Me Like A Man e a turnê do mesmo, a The Medicine Tour.
O single ganhou seu clipe dia 9 de março de 2012, sendo excluído em seguida e repostado novamente dia 20 de março de 2012. O clipe foi dirigido pela própria Taylor.




ESCUTE O ÁLBUM




ALGUMAS PERFORMANCES