Entrevista para o site Music Headquarter

Passando pela Alemanha em turnê com a The Pretty Reckless, antes do show em Cologne, Taylor Momsen deu uma entrevista ao site Music Headquarter onde falou sobre a setlist dos shows, passado como atriz e mais. Confira:

Alguém viu a espera lá fora e me disse que alguns dos jovens que estão lá, estão na fila desde o início da tarde. É interessante ver novamente o quão apaixonado os fãs são pelos seus artistas. Quando foi a primeira vez que você experimentou uma coisa dessas?
Isso acontece desde o início. Até mesmo quando viemos pela primeira vez na Europa, eu tenho visto isso. Ainda é uma ideia inconcebível para mim e tento ver se isto não é uma conclusão precipitada. Mas isso acontecia antes e hoje não é diferente, e agora é bem mais frequente do que antes.

Mais do que antes?
Sim, a atual turnê é grande. Especialmente quando ninguém fica doente. Além disso, agora finalmente temos a quantidade suficiente de músicas no repertório para podermos variar a setlist nos shows.

Quais músicas você prefere tocar ao vivo deste repertório?
Isso é diferente a cada noite. E isso também tem muito a ver com os fãs: dependendo de qual música é muito celebrada também é importante para o meu bem-estar. Em parte, se torna realmente difícil escolher as músicas. E, neste caso, infelizmente, é extremamente difícil deixá-los decidir, porque simplesmente eles querem ouvir todas as canções que nós temos disponível. Infelizmente não podemos tocar três álbuns e dois EPs em uma noite. Isso precisa ser um pouco mais fácil.

Você tem alguma memória especial em particular dos shows passados ​​na Alemanha?
O que eu não posso esquecer foi a nossa primeira aparição no Rock Am Ring e Rock Im Park. Agora nós já tocamos lá algumas vezes, mas quando estávamos lá pela primeira vez isso nos deixou completamente animados.

Quantas pessoas estavam lá?
Honestamente, eu não sei. Mas eram muitas. A coisa realmente assustadora foi que estávamos acostumados a uma enorme quantidade de pessoas, mas não na Europa. Nós não esperávamos isso, e, portanto, foi muito especial para mim.

Você que originalmente já vem da indústria: existe grande diferença da apresentação no palco, comparando com quando você era mais nova e tinha que apresentar-se na frente das câmeras?
Oh sim, há grandes diferenças. Primeiro eu tenho que mencionar novamente que eu já não estou mais na ativa como atriz. Isso pertence ao passado.

Por que você decidiu isso?
Porque a música é a minha paixão desde o início e eu só queria fazer algo até que eu tivesse idade suficiente para tomar minhas próprias decisões. Todo o resto foram apenas trabalhos. E sobre a pergunta: na atuação você fala para a câmera com as palavras de outra pessoa. Você se apresenta por outras pessoas. E você também é outra pessoa, no caso, o papel para o qual você é designado. No palco, na frente da multidão, não - são minhas palavras, é minha música e minha vida. Lá eu me apresento por eu mesma. E isso é uma diferença enorme. Na música não tem nenhum personagem envolvido.
FAÇA SEU COMENTÁRIO