Informações sobre o novo álbum


O site ticketfy postou um artigo sobre o novo álbum da banda, você pode conferir abaixo:

O novo album “Who You Selling For” (Pra Quem Você Está Vendendo), será lançado dia 21 de outubro, e a turnê, começa um dia antes. Visite theprettyreckless.com para ingressos.
Apesar de sentirem física e emocionalmente desgastados, depois de retornar de uma uma odisséia de dois anos, Momsen e Phillips foram direto escrever as músicas para o terceiro seu álbum, o abrasador mas emotivo “Who You Selling For”, que será lançado pela Razor & Tie em outubro.
“Tinhamos muito que queríamos dizer, era como agitar uma lata de refrigerante na turnê, então quando começamos a escrever, foi aliviante”, diz Momsen. “A vida em turnê é muito isolada. Você olha para o mundo através da janela de ônibus ou avião. Mas a música é o fator de cura. É a única coisa que é uma base e um verdadeiro companheiro pelo caminho. Ela nos salvou – mais uma vez “.

A necessidade da música como um bálsamo para a alma é um tema tratado no “Who You Selling For”, que encontra Momsen e Phillips lidando com emoçõesque vão de confusão e frustração para depressão e desespero. “Eu acho que nós sentimentos uma terrível necessidade de expressar esses pensamentos”, diz Phillips. “E eles são coisas que a maioria dos humanos sentem diariamente, mas nem sempre encontram como expressar. No final nós dizemos ‘Não desista, sua alma é tudo que você tem, então você tem que se agarrar a ela”. A faixa de abertura do álbum, “Hangman” (enforcado) – que foi inspirada em um poema de Chidiock Tichborne, escrito na véspera de sua execusão- fala sobre controlar sua própria mente e alma, independente do que estiver acontecendo. Daí, Who You Selling For, mergulha na psique de Momsen e Phillips – dois artistas que acredutam muito no ardente e redentor poder do rock and roll.

O primeiro single do álbum, “Take Me Down”, fala sobre desespero, com Momsen trazendo letras como “Eu passo noite e dia / O quão duro posso aguentar? / Sabe, eu dei minha vida para o rock and roll. “É sobre querer tanto uma coisa, ao ponto de você vender sua alma para isso”, diz Momsen, acrescentando que ela e Phillips foram inspirados pela música “Crossroads”, de Robert Joohnson, que muitos interpretaram como se Johnson vendesse a alma pra o Diabo em troca de seu talento musical. “Back To The River” é sobre o desejo de se afastar de tudo, de ir onde ninguém possa te alcançar, enquanto “Wild City” é influenciada por ser jovem por conta própria em Nova York (“Nós escrevemos essa enquanto caminhávamos pela Rivington Street no Lower East Side”, diz Momsen”). A música mais agressiva DO álbum é “Oh My God”, que Momsen descreve como “auto-confissão para direto de um diário. Eu acho que fala por si”. E, finalmente,” Who You Selling For” diz que à música é uma forma de salvação e descreve como o resto do álbum varia entre todas as formas do rock and roll à procura de” The Answer “. A música que inspirou o título do álbum, pede para os ouvintes a dar uma olhada em suas próprias vidas com um provocante questionamento.”Para mim, é uma questão que desafia o que estou fazendo com a minha vida”, diz Momsen. “Ela questiona o significado de minhas ações sejam elas quais forem. Ela também define o álbum de uma forma grandiosa, pedindo o ouvinte para olhar para o significado de cada música”.

Sonoramente, “Who You Selling For” se alterna entre o borbulhante hard rock (Oh My God, Prisoner, Wild City, Living In The Storm), ‘downtempo’ (The Walls Are Closing In, Take Me Down, Back To The River, Who You Selling For), a balada acústica “Bedroom Window” e a faixa final “The Devil’s Back”, dando a Momsen uma plataforma para mostrar o poder e a versatilidade de sua voz. Ela é uma das mais convincentes vocalistas da atualidade, capaz de ser impietuosa, confrontante, sensual e sedutora, desafiando seus ouvintes a ignorá-la em seu próprio perigo com uma fogosa presunção que apenas que continua crescendo fascinantemente conforme Momsen envelhece. Ela tinha quinze anos quando escreveu e gravou o primeiro álbum da The Pretty Reckless, Light Me Up, que foi lançado em 2010.
 Traduzido por Momsen Brasil


Capa do álbum:






FAÇA SEU COMENTÁRIO