Nova Entrevista da Taylor Momsen para a Nylon


O site da Nylon postou uma nova entrevista com a Taylor Momsen. Confira a entrevista traduzida abaixo:

Foi há apenas alguns meses atrás quando paramos no estúdio da Taylor Momsen para fazer o check-in em como a atriz que virou cantora estava indo com o seu álbum. Mas agora, depois de alguns contratempos e um breve período doente, Momsen e sua banda The Pretty Reckless estão prontos para lançar o novo álbum going to hell. Já se passaram 4 anos desde a sua estréia em light me up, e como ela mesma diz, muita coisa mudou desde então. O quê exatamente? Além de ramificar-se em outra direção, expandindo sua escrita e figurino, haverá algumas mudanças inesperadas desta vez. Mais roupas, para começar... Mas saiba tudo sobre momsen logo abaixo.

Você estava doente por um tempo! Como está ?
Estou bem melhor... Eu nunca perdia a voz antes, então foi muito assustador. Eu tive que me comunicar por SMS e em escrever em caderninhos, e foi horrível. Mas estou melhor agora e mal posso esperar para voltar em turnê.

Temos que falar sobre seu novo clipe  para “Heaven Knows” já que é incrível. Como foi  co-direcionar?
Foi ótimo. Não gosto de entrar em muitos detalhes porque eu gosto quando o telespectador e o ouvinte interpretam por eles mesmos – Está tudo lá. Na verdade tivemos que filmá-lo 2 vezes. Nós fomos para Miami, filmamos, em seguida, voamos para L.A e logo depois voltamos... Por isso demorou um pouco. Eu definitivamente tenho uma visão, e quero vê-la nisso, seja pelo vídeo ou pela música, então eu sou uma parte importante disso.

Desde que você estava prestes a sair em turnê, o que todos podem esperar?
Nossos espetáculos são todos sobre música – não tem essa coisa de campanha publicitária. Este não é um show de pop com luzes, cenários e etc. É bom porque não é preciso muito para levantar o astral de todos, a música faz isso por nós.

E quanto as roupas?
São todas customizadas por mim e alguns retalhos. O logotipo da cruz é definitivamente à frente. Novamente, se eu tiver uma visão, quero vê-la nisso. Você vai ter que esperar e ver como eles são, mas eu estarei bem mais coberta nesta turnê.

Você faz sua própria maquiagem para o show?
Ah, sim.  Nós não temos uma rotina pré show ou maquiadores ou qualquer dessas coisas... Isso é muito chique. Acabo de fazer minha maquiagem, coloco minha roupa, tomo um uísque e vou. Eu normalmente pego qualquer delineador preto que eu consiga encontrar no CVS. Eu realmente não sou muito exigente.

Porque você decidiu se cobrir desta vez?
Não sou mais uma criança! (risos) Só quero seja mais sobre a música.

Viemos visitá-la no estúdio neste verão, e agora going to hell está prestes a ser lançado. Você está excitada para que todos possam finalmente ouvi-lo?
Sim, o processo foi longo para fazer CD (risos). É o tipo de álbum que é feito para ser ouvido de trás para frente, é quase um álbum conceitual. Existem alguns temas comuns que surgem quando você escuta a coisa toda, o que não acontece se você tem um monte de singles pop.

Como foi o processo de escrita?
Eu não escrevo no estúdio, há dois compositores na banda e escrevemos tudo no violão acústico e trabalhamos com isso. A ordem das músicas é muito importante, de alguma maneira o álbum é quase conceitual. Nós não estávamos escrevendo intencionalmente para isso acontecer, mas ele saiu dessa forma... Todos terão que esperar e ver por si mesmos.

Tradução por Fc Cold Blooded. Não Utilize sem os créditos.

FAÇA SEU COMENTÁRIO